Sistema mapeia o padrão público de financiamento para pesquisa no DOU

Quantas pesquisas sobre dengue receberam financiamento público? Quanto o governo federal investiu em pesquisas sobre a doença nos últimos 10 anos? Tudo isto poderá ser encontrado no “FarejaDOU”, um sistema que foi resultado da tese de doutorado de Paulo Marques, aluno do Programa de Pós-Graduação em Informação e Comunicação em Saúde – PPGICS, do Icict/Fiocruz, para mapear o padrão público de financiamento para pesquisa no Diário Oficial da União – DOU.

A grande inovação da pesquisa desenvolvida está em explorar o DOU como fonte de dados para mapear e identificar o fluxo de recursos financeiros, públicos, direcionados para pesquisa no país. O sistema, de uso fácil e simples, mostra os resultados da distribuição do financiamento por pesquisador, região demográfica, agência de fomento, instituição e ano. A ideia de Paulo Marques é que o sistema possa ser utilizado livremente por profissionais, pesquisadores e alunos. Leia a matéria completa e também acesse o sistema no site do Icict/Fiocruz.

http://www.icict.fiocruz.br/content/sistema-mapeia-o-padr%C3%A3o-p%C3%BAblico-de-financiamento-para-pesquisa-no-dou






CNTS

Deixe sua opinião

Enviando seu comentário...
Houve um erro ao publicar seu comentário, por favor, tente novamente.
Por favor, confirme que você não é um robô.
Robô detectado. O comentário não pôde ser enviado.
Obrigado por seu comentário. Sua mensagem foi enviada para aprovação e estará disponível em breve.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga a CNTS
nas Redes Sociais