Sem salários, trabalhadores do Hospital do Coração voltam a cruzar os braços

Há dois meses com os salários em atraso, trabalhadores do Hospital do Coração paralisaram as atividades, mais uma vez, na segunda-feira, 20. Os trabalhadores receberam o apoio de acompanhantes e familiares de pacientes, que também denunciam a superlotação da unidade e a falta de material para a realização dos atendimentos. Durante o dia houve manifestação com a presença de dirigentes do Sindsaúde e cerca de 200 profissionais da saúde, entre técnicos de enfermagem, enfermeiros, assistentes sociais, fisioterapeutas, assistentes de transporte e técnicos em radiologia.  O hospital foi pioneiro e é referência em transplantes de coração e outras cirurgias cardíacas.

Os trabalhadores com salários atrasados são da Coosaúde, prestadora de serviços do Governo do Estado do Ceará. A paralisação ocorreu por algumas horas, dentro da estratégia de luta da categoria. Na última quinta-feira, 16, os trabalhadores do Hospital do Coração fizeram outra paralisação, com apoio do sindicato. (Ascom Sindsaúde-CE)

 

 






 

CNTS

Deixe sua opinião

Enviando seu comentário...
Houve um erro ao publicar seu comentário, por favor, tente novamente.
Por favor, confirme que você não é um robô.
Robô detectado. O comentário não pôde ser enviado.
Obrigado por seu comentário. Sua mensagem foi enviada para aprovação e estará disponível em breve.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga a CNTS
nas Redes Sociais