4
Divulgação

Ministério do Trabalho cria grupo para avaliar ensino à distância

Educação

O Ministério do Trabalho instituiu a criação de grupo de trabalho para avaliar e discutir a aprendizagem profissional na modalidade à distância. O grupo terá prazo de funcionamento de até seis meses e será constituído por 13 membros, contando com a participação de órgãos federais, Ministério Público do Trabalho – MPT, centrais sindicais, instituições formadoras do Sistema S, dentre outros.

Segundo a Portaria 1011/2018, a bancada das confederações patronais não fará parte do referido grupo, de forma que a bancada dos serviços nacionais de aprendizagem profissional – Senai, Senac, Senar, Sest/Senat e Sescoop terá dois representantes titulares e dois suplentes. Além disso, a critério dos membros do GT, poderão ser convidados representantes de outros órgãos e instituições para participarem das reuniões do grupo quando o tema justificar.

CNTS

Deixe sua opinião

Enviando seu comentário...
Houve um erro ao publicar seu comentário, por favor, tente novamente.
Por favor, confirme que você não é um robô.
Robô detectado. O comentário não pôde ser enviado.
Obrigado por seu comentário. Sua mensagem foi enviada para aprovação e estará disponível em breve.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga a CNTS
nas Redes Sociais