114
Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

Grupo de Trabalho sobre PL 2564/20 realiza primeira reunião na Câmara dos Deputados

Piso Salarial da Enfermagem

O Congresso Nacional retomou os trabalhos legislativos nesta quarta-feira, 2, após o recesso iniciado antes do Natal. E a expectativa da Enfermagem é que a Câmara dos Deputados aprove o PL 2564/2020 ainda em 2022. Na Casa, as atividades foram retomadas com a reunião do Grupo de Trabalho que vai avaliar os impactos financeiros do piso salarial da Enfermagem.

A criação do grupo, coordenado pela deputada Carmen Zanotto (Cidadania-SC), sob a relatoria do ex-ministro da Saúde Alexandre Padilha (PT-SP), se deu após divergências significantes no quantitativo de profissionais e no seu impacto financeiro.

Na reunião da quarta-feira, foi apresentado o plano de trabalho do GT, onde foi aprovado o calendário de reuniões:

08/02 – Reunião de apresentação e entrega do número de profissionais e impacto financeiro das entidades da enfermagem.

09/02 – Reunião de apresentação e entrega do número de profissionais e impacto financeiro no setor público.

15/02 – Reunião de apresentação e entrega do número de profissionais e impacto financeiro nos, Santa Casas, Hospitais Filantrópicos e serviços conveniados ao SUS.

15/02 – Reunião de apresentação de estudos sobre o mercado de trabalho da enfermagem e com o controle social.

16/02 – Reunião de apresentação e entrega do número de profissionais e impacto financeiro no setor privado e não conveniado ao SUS.

22/02 – Previsão de entrega do Relatório.

25/02 – Previsão de votação do Relatório. (Veja a íntegra do plano de trabalho, clicando aqui).

A luta da CNTS é pela aprovação do PL 2564/20 ainda em 2022. Por esta razão, a Confederação trabalha em conjunto com sua assessoria parlamentar na articulação de apoio dos deputados pela votação da proposta. Além disso, a Confederação apresentará estudo do número de profissionais e do impacto financeiro na reunião que ocorrerá no próximo dia 8 de fevereiro.

A CNTS também vai participar do Dia Nacional de Mobilização da Enfermagem, previsto para o dia 8 de março. Para isso, a Confederação vai realizar plenária nesta sexta-feira, 4, com dirigentes das federações filiadas e sindicatos vinculados, com o objetivo de debater estratégias de organização do ato.

Contudo, a mobilização não deve ser apenas das entidades representativas. A categoria precisa continuar atuante, principalmente nas redes sociais. Cobre o apoio do deputado do seu estado nesta importante causa.

Líderes declaram apoio ao projeto – O PL 2564 tem conquistado apoio de lideranças da Câmara dos Deputados. O líder do PCdoB na Câmara, deputado Renildo Calheiros (PE), afirmou que o partido vai priorizar a aprovação do projeto que fixa o piso salarial da categoria. “Essas pessoas lutaram muito e a sociedade pôde compreender a importância deles para a vida e para a saúde das pessoas”, disse Calheiros.

O líder do DEM na Câmara, deputado Efraim Filho (PB), também defendeu a votação do projeto ainda neste ano. “Eu quero e vamos trabalhar para isso, é uma questão de justiça com uma categoria que teve protagonismo no enfrentamento à pandemia e mostrou o seu valor ao arriscar a vida para salvar as nossas”, declarou ao Portal do Cofen.

CNTS

Deixe sua opinião

Enviando seu comentário...
Houve um erro ao publicar seu comentário, por favor, tente novamente.
Por favor, confirme que você não é um robô.
Robô detectado. O comentário não pôde ser enviado.
Obrigado por seu comentário. Sua mensagem foi enviada para aprovação e estará disponível em breve.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga a CNTS
nas Redes Sociais