Fórum da Enfermagem lança abaixo-assinado em defesa do projeto das 30 horas

Enfermagem

Projeto de Lei que institui a jornada de 30 horas semanais tramita há 19 anos no Congresso Nacional.

O Fórum Nacional da Enfermagem, do qual a CNTS faz parte, lançou abaixo-assinado online reivindicando a aprovação do Projeto de Lei 2295/2000, que fixa a jornada de trabalho dos enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem em 30 horas semanais. Segundo o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos – Dieese, mais de cem municípios e dez Estados já instituíram essa carga horária diante da demora da aprovação do projeto de lei que tramita há 19 anos no Congresso.

A enfermagem, que, além dos enfermeiros, engloba os técnicos e auxiliares, é a segunda categoria com maior número de profissionais no Brasil, chegando a 2,3 milhões segundo pesquisa da Fiocruz e do Conselho Nacional de Enfermagem – Cofen. Porém, ser a segunda maior categoria do Brasil, atrás apenas de metalurgia, não representa valorização e direitos. A enfermagem sofre com desgaste, doenças, estresse, má remuneração e jornada trilha de trabalho.

Por conta disso, o objetivo da petição é solicitar ao presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM/RJ), é a inclusão urgente do projeto na ordem do dia da Casa.

A CNTS apoia a petição que cobra a aprovação do projeto de lei, pois entende que a regulamentação da carga horária é questão de legalidade, com respaldo na Constituição Federal; é questão de isonomia com outros profissionais da saúde, que trabalham lado a lado com os profissionais da Enfermagem e já desfrutam da regulamentação em virtude das peculiaridades de atuação; e é questão de saúde e segurança no exercício profissional, sendo indispensável dispor de condições especiais de trabalho. Assine o abaixo-assinado, clicando aqui.

CNTS

Uma opinião sobre “Fórum da Enfermagem lança abaixo-assinado em defesa do projeto das 30 horas

  • WALTER DE SOUZA JUNIOR

    APROVA JÁ 30 HORAS

Deixe sua opinião

Enviando seu comentário...
Houve um erro ao publicar seu comentário, por favor, tente novamente.
Por favor, confirme que você não é um robô.
Robô detectado. O comentário não pôde ser enviado.
Obrigado por seu comentário. Sua mensagem foi enviada para aprovação e estará disponível em breve.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *