17

Enfermagem se reúne com equipe de transição do novo governo federal

Piso da Enfermagem

Entidades de representação que compõem o Fórum Nacional da Enfermagem foram recebidas na tarde desta sexta-feira (25) pela equipe de transição do novo governo federal. A reunião com o grupo técnico responsável pelos temas de Saúde aconteceu na sede da Organização Panamericana da Saúde (OPAS/OMS), em Brasília (DF).

A Enfermagem foi a única categoria profissional de Saúde a ser recebida pelo grupo de transição do novo governo federal. Em pauta, foram discutidos temas prioritários, em especial o do financiamento do Piso Nacional da Enfermagem, suspenso pelo Supremo Tribunal Federal (STF) desde setembro.

O encontro, que durou duas horas, foi encerrado com um compromisso do coordenador da equipe técnica de Saúde do grupo de transição, o ex-ministro Arthur Chioro, de cumprir a promessa de campanha do novo presidente Lula e honrar o compromisso com a Enfermagem, incluindo no relatório de diagnóstico do setor o financiamento do piso salarial no plano de governo do novo Ministério da Saúde. Foi estabelecido um prazo até́ o início de dezembro para receber novas sugestões de temas a serem incluídos neste relatório.

As entidades da Enfermagem presentes entregaram uma carta de pautas prioritárias que incluiu, além do piso e suas fontes de financiamento, a implantação da jornada de trabalho de 30 horas e do regime de aposentadoria especial para a Enfermagem, concursos públicos para viabilizar um quantitativo de mais de 20 mil profissionais de Enfermagem para reduzir o subdimensionamento dos serviços de saúde, a criação da categoria de técnico em Enfermagem na rede federal, a participação na gestão, visando contribuir para a operacionalização das políticas públicas voltadas ao trabalho no âmbito do Ministério da Saúde e o fim do ensino à distância, entre outros temas.

CNTS

Deixe sua opinião

Enviando seu comentário...
Houve um erro ao publicar seu comentário, por favor, tente novamente.
Por favor, confirme que você não é um robô.
Robô detectado. O comentário não pôde ser enviado.
Obrigado por seu comentário. Sua mensagem foi enviada para aprovação e estará disponível em breve.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *