46

CNTS completa 30 anos com lançamento de revista comemorativa

CNTS

A publicação, lançada nas versões online e impressa, reúne 44 páginas com fotos, histórias e conquistas da Confederação, depoimentos e perspectivas para o futuro.

A Confederação Nacional dos Trabalhadores na Saúde – CNTS, entidade de terceiro grau que representa milhões de trabalhadores da saúde, celebra nesta terça-feira, 21, seus 30 anos de história. E para celebrar a data, a Confederação lança a revista comemorativa pelo aniversário.

A publicação, lançada nas versões online e impressa, reúne 44 páginas com fotos, histórias e conquistas da Confederação, depoimentos e perspectivas para o futuro. Veja a íntegra da publicação, clicando aqui.

Ao completar três décadas de existência, a CNTS comemora não apenas uma data histórica. Celebra, também, a consolidação do seu nome, da sua representatividade. A CNTS é hoje uma entidade forte e respeitada por todos.

E esta entidade é construída a muitas mãos. Desde os homens e as mulheres que no dia 21 de dezembro de 1991 ousaram fundar, sem recurso algum, a Confederação Nacional dos Trabalhadores na Saúde que, com o passar dos anos, conquistou espaços fundamentais na representação política junto às instituições governamentais e reconhecimento nacional na luta pela saúde pública e pelos direitos dos trabalhadores. Tudo isso, claro, só é possível com o esforço e o trabalho conjunto de diretores, membros dos Conselhos, colaboradores, e, especialmente, com o apoio das Federações e Sindicatos.

O resultado tem sido a ampliação do alcance das ações da CNTS no país. Em defesa da saúde pública, a Confederação conquistou a aprovação do Supremo Tribunal Federal para que as gestantes de feto com anencefalia pudessem decidir pela continuidade ou não da gravidez. A Confederação ainda derrubou, no STF, a lei que permitia a venda de inibidores de apetite, medicamentos que representa sério risco à saúde da população brasileira.

Em relação à formação profissional, por exemplo, a CNTS atuou para a formação de milhares de atendentes em auxiliares de enfermagem. Inclusive, fomos modelo para a criação do programa de formação desenvolvido pelo Ministério da Saúde, o Profae. Além disso, a CNTS denunciou ao Ministério Público e órgãos do Poder Executivo, as péssimas condições dos cursos à distância na graduação da saúde. As denúncias resultaram na fiscalização pelo Cofen e abertura de inquérito pelo Judiciário.

A CNTS foi a primeira entidade a procurar autoridades do Ministério para discutir a NR 32, mais tarde aprovada com a finalidade de estabelecer diretrizes básicas para a implementação de medidas de proteção à segurança e à saúde não somente para os trabalhadores em estabelecimento de assistência à saúde, mas também daqueles que exercem atividades de promoção e atendimento à saúde em geral. A Norma é aplicada em toda e qualquer unidade de atendimento privada e em todas as ações de saúde.

A Confederação tem como luta constante a aprovação de bandeiras históricas dos profissionais da Enfermagem, como a regulamentação da jornada de trabalho, piso salarial nacional, descanso digno e aposentadoria especial. Nesta pandemia, a CNTS tem como luta buscar garantir proteção aos profissionais da saúde. Durante este período, a Confederação entrou com ações no TST, MPT e STF para assegurar prioridade da proteção e condições de trabalho aos profissionais, que envolve a prestação de serviços em estabelecimentos de saúde públicos e privados, em todas as unidades da federação.  Além disso, a Confederação ingressou com ação no Supremo requerendo a suspensão do protocolo do Ministério da Saúde que permitiu o uso da cloroquina e hidroxicloroquina no tratamento da Covid-19.

CNTS

Deixe sua opinião

Enviando seu comentário...
Houve um erro ao publicar seu comentário, por favor, tente novamente.
Por favor, confirme que você não é um robô.
Robô detectado. O comentário não pôde ser enviado.
Obrigado por seu comentário. Sua mensagem foi enviada para aprovação e estará disponível em breve.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga a CNTS
nas Redes Sociais