Responsive image

Confederação Nacional

dos Trabalhadores

na Saúde

Responsive image

Terceirizados protestam contra atraso de salário em Hospital de Natal

Data: 11/01/2018 09:42:00

 

Os trabalhadores da empresa JMT que presta serviços à secretaria municipal de saúde de Natal paralisaram as atividades por duas horas na quarta-feira, 10. No ato, os trabalhadores disseram que irão realizar greve caso a empresa não pague os salários.

Os trabalhadores são responsáveis pelos serviços de limpeza, cozinha e maqueiros e estão a mais de um mês sem receber. Segundo o presidente do Sipern, Domingos Ferreira, “a empresa informou que não tem condições de pagar os salários pois a prefeitura de Natal está com cinco meses de pendências financeiras com a empresa o que o impossibilita financeiramente de arcar com os pagamentos dos trabalhadores”.

Domingos disse ainda que os trabalhadores poderão iniciar uma greve caso o problema não seja resolvido. Os funcionários das UPAS e postos de saúde irão paralisar as atividades. O sindicato vai dar um prazo de três dias para que o pagamento de salários seja efetuado aos trabalhadores. (Fonte: Ascom Sipern)