Responsive image

Confederação Nacional

dos Trabalhadores

na Saúde

Responsive image

FST lança movimento de resistência contra reformas

Data: 04/09/2017 15:26:00
Crédito: Julio Fernandes/ Ag. Full Time

Com o objetivo de esclarecer a sociedade em geral sobre os efeitos prejudiciais das reformas trabalhista e previdenciária, o Fórum Sindical dos Trabalhadores - FST lança nesta terça-feira, 5, o Movimento Resistência Por Um Brasil Melhor, com a participação de dirigentes de 21 confederações trabalhistas, entre elas, a CNTS. O movimento fará ações conjuntas nos estados colhendo assinaturas para o projeto de lei de iniciativa popular, que pretende revogar a reforma trabalhista – Lei 13.467/17, além de questionar a aprovação na Câmara da reforma da Previdência – PEC 287/16. O evento acontecerá às 10h, no auditório do Hotel Nacional, em Brasília.

De acordo com o coordenador do FST, Artur Bueno de Camargo, o objetivo da ação é denunciar aos trabalhadores, os impactos nocivos do desmonte da legislação trabalhista, conscientizando a população sobre os retrocessos defendidos pelo presidente Michel Temer. "Nossa intenção é resistir à aplicação destas maldades que constam na já aprovada reforma, mobilizando a classe trabalhadora para que faça constar nos acordos e convenções coletivas que a aplicação de qualquer item desta Lei terá de ser negociada com as representações dos trabalhadores. Havendo persistência por parte dos empregadores, cada entidade deverá ajuizar ação de inconstitucionalidade".

Cinco comitês estarão encarregados de mobilizar os trabalhadores em suas bases, com o apoio de federações e sindicatos. O FST também promete ocupar espaços nos principais meios de comunicação, nas tribunas livres das câmaras de vereadores e nas assembleias legislativas. Inclusive, os sindicalistas não descartam a possibilidade de greve geral.

Participam do movimento as confederações dos Trabalhadores na Indústria - CNTI; dos Trabalhadores em Transportes Terrestres - CNTTT; das Profissões Liberais - CNPL; dos Trabalhadores em Transporte Aquaviário e Aéreo, na Pesca e nos Portos - CONTTMAF; dos Trabalhadores nas Empresas de Crédito - CONTEC; dos Trabalhadores em Comunicação e Publicidade - CONTCOP; dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Educação e Cultura - CNTEEC; dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares - CONTAG; dos Trabalhadores em Turismo e Hospitalidade - CONTRATUH;  dos Trabalhadores Metalúrgicos - CNTM; dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação e Afins - CNTA; dos Trabalhadores na Saúde - CNTS; de Aposentados e Pensionistas - COBAP; dos Servidores Públicos do Brasil - CSPB;  dos Trabalhadores na Indústria da Construção e do Mobiliário - CONTRICOM; de Trabalhadores Policiais Civis - COBRAPOL; de Vigilantes e Prestadores de Serviços - CNTV; dos Trabalhadores em Edifícios e Condomínios - CONATEC; dos Trabalhadores da Indústria Gráfica, da Comunicação Gráfica e dos Serviços Gráficos - CONATIG;  dos Trabalhadores Químicos - CNTQ e dos Servidores Públicos Municipais - CSPM.

Mais informações: (61)3242-8847/(61)99154-4077
fstsindical@fstsindical.com.br /www.fstsindical.com.br